Marcelo em Monção “enche” ruas e passeios

A Festa do Corpo de Deus e da Coca, que ontem decorreu em Monção, foi das mais concorridas de sempre. Houve até, com algum exagero, quem a comparasse à da Virgem das Dores, em agosto, as festas mais participadas do concelho. Nesse sentido, o grande responsável terá sido Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República, que, participou, à tarde, na Missa e Procissão Solene.

 “Eu fiquei de visitar os Municípios atingidos pelos incêndios do passado dia 15 de outubro. E havia algumas lacunas”, disse comunicação social. “Havia uma lacuna importante no meu espírito, que me pesava na consciência, que era Monção”, acrescentou. No entanto, o tempo não lhe permitiu visitar a área queimada, nem, tão-pouco no combate entre S. Jorge e a Coca, que durou apenas uma dezena de minutos e, como quase sempre, terminou com a vitória do cavaleiro a simbolizar, para quem acredita, um ano fértil em vinho.

Após chegar junto ao edifício da Câmara, no Largo do Loreto, o chefe de Estado fez, a pé, o trajeto até à Igreja Matriz, onde assistiu à Missa. Depois, participou na Procissão que se lhe seguiu, atrás do pálio e ao lado do presidente da Câmara, António Barbosa.

Neste espaço de tempo, foram muitos populares que se esforçavam para as selfies, abraços e beijinhos. O  Presidente, com quem “ninguém consegue estar zangado”, como disse o presidente da Câmara, esforçava-se por retribuir aos muitos que enchiam bermas e passeios, esforçando-se para o ver e fotografar o melhor possível.

Fotorreportagem na edição impressa deste mês. Não perca!

monção 4

SEM COMENTÁRIOS

Deixar uma resposta