Ponte da Barca apresentou Romaria de S. Bartolomeu

0 174

Piruka e Pedro Abrunhosa são os músicos convidados

Destaque para o regresso da Corrida de Cavalos e da Feira do Gado

 A Associação Concelhia das Festas de S. Bartolomeu e a Câmara Municipal de Ponte da Barca apresentaram à instantes o cartaz e programa da Romaria mais genuína do Alto Minho – a Romaria de S. Bartolomeu. A apresentação pública aconteceu naquela que é uma das muitas novidades deste ano – a Loja Oficial da Romaria – espaço de informação e venda de vários artigos dedicados à Romaria. Outra das novidades da edição deste ano é, como salientou o presidente da Câmara, Augusto Marinho, “o tão esperado regresso da feira do gado e da corrida de cavalos”.

Mantendo o enfoque na tradicionalidade e nos fatores distintivos da Romaria, há mais novidades para a edição 2018 da Romaria de S. Bartolomeu que acontece na vila barquense de 19 a 24 de agosto. Desde logo, o facto da organização ter aproveitando o dia 18 de agosto, por ser sábado, e dar o arranque à festa com o destaque para o concerto do rapper português Piruka. A aposta nos músicos locais com a promoção dos concertos dos Atacadores Desapertados, Malaboos e Scream4revolution são também novidade da programação deste ano. Para além disso, foi intenção promover uma maior descentralização da romaria, ocupando outros espaços da vila, como acontece, por exemplo, com a  mudança da Feira de Artesanato para a área envolvente ao edifício dos Paços do Concelho, mantendo-se as tasquinhas no Centro de Exposição e  Venda de Produtos Regionais, e os Cantares ao Desafio decorrerem mais do que um dia e em diferentes locais. Também o estacionamento foi uma preocupação, levando a organização a colocar o espaço do antigo horto municipal (junto à zona ribeirinha) disponível para estacionamento durante toda a semana.

“Com o alargamento do recinto das festas, a Romaria abraçará Ponte da Barca por inteiro, envolvendo todos os grupos musicais do concelho, garantindo um programa intergeracional, respeitando sempre o cariz tradicional daquela que é a mais genuína Romaria do Alto Minho” referiu, ainda, o autarca barquense.

Do restante programa mantém-se a tradicionalidade da Noite das Rusgas – momentos alto destas festividades, a Feira do Linho, oCortejo Etnográfico, a Procissão, e os Festivais Folclóricos.

Nada falta para que o S. Bartolomeu 2018 volte a afirmar-se como uma das grandes Romarias do Minho e do país.

 

SEM COMENTÁRIOS

Deixar uma resposta