ALVARINHO ENTRE OS MELHORES ESPUMANTES DO MUNDO

MONÇÃO MELGAÇO

0
foto // Direitos reservados

O ex-libris da sub-região Monção Melgaço, o Alvarinho, volta a ser reconhecido a nível internacional: desta foi na lista dos 50 Great Sparkling Wines of the World, na 6ª edição anual da Competição de Vinhos Espumantes, da Wine Pleasures. Quatro espumantes da casta Alvarinho ficaram entre os melhores: dois de Melgaço e dois de Monção.

Os alvarinhos premiados:
Valados de Melgaço Alvarinho Reserva: 95 pontos, medalha de ouro, na categoria Brut Nature Reserva – Valados de Melgaço | MELGAÇO
Espumante QM Velha Reserva 2012: 93 pontos, medalha de prata, na categoria Brut Gran Reserva – Quintas de Melgaço | MELGAÇO
Castas de Monção: 92 pontos, medalha de prata, na categoria Brut Nature Reserva – Provam | MONÇÃO
Côto de Mamoelas: 91 pontos, medalha de prata, na categoria Brut Nature Reserva – Provam | MONÇÃO

 «Mais do que um prémio, a distinção neste concurso é uma homenagem à casta Alvarinho, património da sub-região Monção Melgaço. O Alvarinho faz parte integrante da nossa cultura e é um cartão-de-visita que atrai todos os anos, e cada vez mais, apreciadores à região. Prova disso são os eventos que promovemos para celebrar esta casta: a Festa do Alvarinho e do Fumeiro e a Festa do Espumante que empolgam cada vez mais turistas. Sabemos do seu potencial e é sempre um privilégio quando são os outros a reconhecê-lo», atenta Manoel Batista, autarca de Melgaço.

 O 50 Great Sparkling Wines of the World by Wine Pleasures é uma competição internacional, onde os maiores especialistas da área elegem os melhores vinhos espumantes. Em competição estava uma enorme variedade de vinhos espumantes de todo o mundo: a escolha seguiu o método de produção (método tradicional, método Charmat e Frizzante), a dosagem e envelhecimento, todos dentro da faixa de preço de 5 a 25 euros. A listagem final é premiada com ouro e prata, nas três categorias de produção. Em provas cegas de comparação direta entre as várias referências e num painel constituído por cinco juízes, foram selecionados os 50 melhores, com uma pontuação máxima de 100 pontos. Itália, Portugal e Espanha lideram a listagem. Todos os vinhos conseguiram pelo menos 90 pontos. O principal objetivo da competição é identificar, recompensar e promover a qualidade do espumante tanto para os comerciantes como para os apreciadores de vinho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here