Campeonatos nacionais de ciclismo em Melgaço

0
Melgaço, junto à Câmara Municipal

A “nata” do ciclismo vai estar em Melgaço entre os próximos dias 28 e 30. Será para a edição deste ano dos campeonatos nacionais de ciclismo de estrada

Levar provas da modalidade para fora dos grandes centros urbanos foi, de novo, a intenção apontada  pela Federação Portuguesa de Ciclismo [FPC], a mais antiga federação desportiva do país, no ano em que comemora 120 anos de existência.

“Temos esta preocupação de organizar os campeonatos em várias regiões, onde há uma grande identificação com a marca do ciclismo, que gosta de percorrer os territórios. A aposta em Melgaço é uma decisão feliz, porque se trata de uma vila amiga da modalidade”, disse o dirigente.

Para uma prova em que são esperados mais de 200 participantes, nos escalões elite, sub-23 e femininos, Delmino Pereira salientou a oportunidade de reunir, nestes dias, as grandes figuras do ciclismo nacional.

Também presente nesta cerimónia esteve o Secretário de Estado do Desporto e da Juventude, que louvou o “espírito descentralizador” dos eventos da Federação Portuguesa de Ciclismo.

“Descentralizar também faz parte das preocupações do Governo. Daí o nosso apoio ao ciclismo, porque é uma modalidade que vai encontro das pessoas, basta saírem de casa e têm uma envolvência extraordinária com o Desporto”, disse João Paulo Rebelo.

Como anfitrião destes campeonatos, o presidente da Câmara Municipal de Melgaço, Manoel Batista, considerou ser um “privilégio” receber eventos desta dimensão, garantindo que “a parceira já existente com Federação Portuguesa de Ciclismo é para manter por muitos anos”.

PROGRAMA

Quanto ao programa da competição, arranca no dia 28 de junho, sexta-feira, à tarde, com as provas de contrarrelógio para os atletas sub-23, femininos e elites, sendo que para os primeiros dois escalões o percurso será de 24,6 quilómetros, e para as elites de 32,3 quilómetros, em percursos que se iniciam no centro de estágio e tem o final junto aos Paços do Concelho.

Para o dia seguinte, sábado, 29 junho, estão reservadas as provas de fundo para os sub-23, com uma distância de 143,2 quilómetros, e para as atletas femininas, que vão percorrer um traçado com 88,6 quilómetros. Provas que têm início e fim junto ao edifício da Câmara Municipal.

No domingo, é a prova de fundo para elites, com início previsto para as 11h e chegada (melhor horário) pelas 16h16, num percurso de 197 quilómetros, com oito passagens pela zona de meta. A partida é em Castro Laboreiro (simbólica junto ao Miradouro e efetiva na Portelinha) e chegada junto à Câmara Municipal de Melgaço.

As dificuldades do terreno nas provas de fundo está em destaque, dada a forte presença de relevo, e a aproximação à meta feita numa subida com cerca de um quilómetro, onde os últimos metros serão percorridos em paralelepípedo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here