Coleção de Serralves exposta em Ponte de Lima

0
© Filipe Braga :: Fundação de Serralves

Como resultado da parceria estabelecida, em 2017, com a Fundação de Serralves, o município de Ponte de Lima recebe, a partir de hoje, dia 27 de junho, a exposição O REGRESSO DO OBJETO: ARTE DOS ANOS 1980 NA COLEÇÃO DE SERRALVES.

Esta iniciativa integra-se num programa de exposições e a apresentação de obras da Coleção de Serralves são, especificamente, selecionadas para os locais de exposição com o objetivo de tornar o acervo acessível a públicos diversificados de todas as regiões do país.

O REGRESSO DO OBJETO: ARTE DOS ANOS 1980 NA COLEÇÃO DE SERRALVES apresenta uma seleção de obras de oito artistas que sedimentaram os seus discursos artísticos nos anos 1980. Estes trabalhos marcam uma reação à predominância da arte minimal e conceptual nas décadas anteriores, através do regresso à pintura e à escultura e ao uso de materiais tradicionais como o ferro, o bronze e a madeira.

Assistimos a um regresso a temas clássicos da história da arte, ao ressurgimento de um imaginário figurativo e metafórico associado a títulos poéticos e evocativos e à proximidade com as artes decorativas e a cultura popular. Esta diversidade relaciona-se com o começo da globalização que coloca em contacto e em influência mútua culturas muito diversas. A exposição é uma oportunidade para revisitar a produção artística desta década que, representando o fim do isolamento a que a ditadura tinha votado Portugal, revela um crescente sincronismo com o contexto artístico internacional.

Os artistas representados são: Rui Aguiar, Joaquim Bravo, Gerardo Burmester, José Pedro Croft, Pedro Cabrita Reis, Rui Chafes, Juan Muñoz, Rui Sanches.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here