Desaparecimento de português na praia de Samil deverá ter sido falso alerta

0
Desaparecimento de português na praia de Samil deverá ter sido falso alerta

Desaparecimento de português na praia de Samil deverá ter sido falso alerta. Foi reportado, no passado domingo, o desaparecimento de um jovem português na Praia de Samil, em Espanha. O alerta foi dado por um homem de nacionalidade brasileira que afirma ter conhecido o cidadão português momentos antes de ambos entrarem no mar.

Esta ‘testemunha’ revelou ao jornal espanhol ‘Faro de Vigo’ que conheceu, um jovem português de 25 anos e decidiram entrar no mar juntos. Porém, a certa altura, alega ter deixado de ver o português. Perante a situação, afirma ter mergulhado e procurado pelo jovem, mas não o avistou. Decidiu, por isso, regressar à costa e dar o alerta ao Centro de Coordenação de Emergência da Praia de Samil. Eram 17h26 em Espanha (16h26 em Portugal) quando foi dado o alerta.

Um casal que estava também na praia corroborou a versão do brasileiro, afirmando ter visto um banhista perto de uma boia no mar, mas que desapareceu de seguida.

Os nadadores salvadores, acompanhados por duas embarcações da Proteção Civil espanhola, levaram a cabo as buscas pelo jovem. Sem sinais do português de 25 anos, as autoridades solicitaram a colaboração dos Bombeiros de Vigo, que dispõem de uma unidade de mergulhadores para operarem em situações de salvamento marítimo.

As operações decorreram até ontem, terça-feira, mas a falta de resultados, a ausência de uma denúncia por desaparecimento e visto que nesse dia (domingo) não ficou nenhuma toalha, roupa ou mochila no areal faz com que as autoridades admitam a hipótese de falso alerta. As autoridades admitem que não houve nenhum afogamento e que o homem que deu o alerta pode ter ficado com uma impressão errada da situação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here