“NESTE ÚLTIMO MANDATO, TUDO FAREI, PARA QUE SEJA O MELHOR DE TODOS”

0

Jorge Mendes tomou posse para o seu último mandato como Presidente de Câmara de Valença. O auditório dos Paços do concelho foi pequeno demais para acolher todos os que quiseram assistir a esta cerimónia.

Pouco passada das 15h00 quando os novos membros da Assembleia Municipal começaram a tomar os seus lugares, neste órgão autárquico, assinando a ata, um por um, conforme é tradição.

Mais tarde, foi a vez dos vereadores da Câmara Municipal. Do Partido Social Democrata – PSD -, claro está, o Presidente da Câmara, Jorge Mendes, e ainda, Elisabete Domingues, Manuel Lopes, José Temporão Monte, e Mário Rui Oliveira. Pelo Partido Socialista – PS -, Anabela Rodrigues e Lígia Pereira.

No final, e como é habitual, Jorge Mendes tomou a palavra, e começou por dizer que Valença é um grande concelho. “Grande pela história milenar, pela sua localização, como a fronteira rodoviária mais movimentada do país, pela dimensão da sua Fortaleza que é um bem cultural de toda a humanidade, visitada nos últimos anos por mais de dois milhões de pessoas, pelo carácter e força das suas gentes. Nesta perspetiva é uma enorme honra ser presidente da Câmara Municipal de Valença”.

Continuou dizendo que “apesar de ser o último mandato, tudo farei, com o apoio da minha equipa e dos valencianos, para que seja o melhor de todos”.

Jorge Mendes

A autarquia tem como objetivos claros contribuir de forma permanente e contínua para melhorar as condições de vida dos valencianos para que sejam o melhor dos concelhos para se viver, trabalhar, investir e visitar e lutar pelo desenvolvimento sustentado de Valença. “Estes desafios assentam numa gestão rigorosa, transparente e inteligente da Câmara Municipal”, disse.

Concluiu, afirmando que “nos próximos quatro anos não vamos ficar aquém das expectativas e por isso, costuma-se dizer que o limite é o céu, mas eu prefiro dizer que o nosso limite é o sonho”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here