Viana do Castelo: Avança rotunda para acesso à zona industrial de Neiva e porto de mar

0

A Câmara Municipal de Viana do Castelo vai avançar com o projeto de execução de uma rotunda no âmbito dos novos acessos ao Porto de Mar. O acordo, que será votado em reunião de executivo, esta quinta-feira, prevê a construção de uma rotunda ao quilómetro 57,435 da Estrada Nacional 13.

A Câmara Municipal disponibilizou, a título gratuito, os terrenos localizados junto à EN13 para execução do projeto. O documento informa que a Infraestruturas de Portugal “verificou que a solução apresentada é adequada, visando a garantia das condições de sustentabilidade ambiental, de fluidez de tráfego e segurança da circulação”.

Com um valor de adjudicação de 7,3 milhões de euros, o novo acesso ao Porto de Mar prevê a criação de uma rodovia de 8,8 quilómetros de extensão a ligar a A28 ao Porto de Viana do Castelo em São Romão de Neiva, com duas faixas de rodagem de 3,5 metros de largura. A obra inclui ainda a requalificação de um troço e bermas da Estrada Nacional 13 e a construção de dois novos troços a ligar esta estrada nacional à A28, com acesso direto ao porto comercial.

A nova via pretende descongestionar as vias urbanas do tráfego de veículos pesados, retirando da antiga EN 13 e do interior da freguesia de Darque o tráfego de pesados de e para o Porto de Mar.

Para a autarquia, “este investimento pretende atrair novas atividades económicas para a área de influência do Porto; reduzir os custos operacionais inerentes aos tempos de ligação rodoviária do Porto aos principais polos de atividade; reduzir o ruído e as emissões poluentes; aumentar a segurança da circulação; e contribuir para o descongestionamento da circulação rodoviária, retirando o tráfego pesado das vias urbanas.

O Porto de Mar de Viana do Castelo é uma infraestrutura marítimo-portuária com uma capacidade instalada para movimentar cerca de 900.000 toneladas de carga por ano e um elemento âncora para o desenvolvimento da região, assumindo-se como uma plataforma de internacionalização do tecido económico, sendo fator de atratividade de novas empresas e indústrias que se queiram instalar no Alto Minho.

“Os acessos rodoviários ao Porto de Mar são fundamentais para o reforço da capacidade operacional e para garantir o crescente aumento de movimento do porto comercial de Viana do Castelo, em especial nas exportações, derivado da dinâmica comercial das empresas instaladas na região” refere a nota do executivo vianense.

Recorde-se que, em janeiro de 2017, foi assinado um protocolo entre a Câmara Municipal e a Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) para que o Município garantisse a construção dos novos acessos rodoviários, tendo a Administração Portuária ficado com a responsabilidade de concretizar o projeto de execução.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here